Entrevista com João Guilherme (Blue Comics)

da Redação

*

O publicitário de 19 anos João Guilherme Lopes tinha um sonho. Criar uma editora 100% nacional e com um universo próprio onde todos os seus personagens pudessem interagir. Na primeira metade de 2012 ele realizou este sonho e criou a editora Blue Comics, que traz diversos títulos, como Justiça, Psycoma, Vamps e muitos outros. Apesar do tempo corrido, João conseguiu um tempinho para responder algumas perguntas do INDCOM. Confiram abaixo:

*

Fundador da Blue Comics, João Guilherme realizou um sonho com sua criação

Indcom: Por que resolveu criar uma editora? Qual o objetivo?

João: Revolucionar e engrandecer a industria de quadrinhos no país, além de fortalecer o mercado da cultura pop e entretenimento brasileiro.

*

Indcom: Quando foi criada?

João: 23 de Junho de 2012.

*

Indcom: Como foi a recepção?

João: Se tornou a maior editora independente de quadrinhos em menos de 2 meses, tendo o quase patrocínio da Pizzi Toys e sendo a mais falada na internet durante o mês de Julho. Atualmente bem aceita e estável, procurando dar outro salto e crescer mais!

*

Indcom: Onde é a sede?

João: Belém-PA, passando agora para Taubaté-SP.

*

Indcom: Quais suas influências no mundo dos quadrinhos?

João: Eu leio regularmente a Vertigo em termos alternativos e os heróis da Marvel e DC Comics, porém eu sempre procuro comprar outros como a Dynamite Comics, Image e algumas coisas independentes.

*

Indcom: E o que tem lido?

João: Atualmente Vertigo, Homem Aranha, Homem de Ferro e Thor. Tartarugas Ninjas, Batman, A Sombra do Batman, Aves de Rapita, Jovens Titãs, Flash, A Teia do Aranha, Hellboy, Encadernados  da Marvel com sagas completas e quadrinhos que acho interessantes e que sairam agora como o paraense “Universo D. T. C. apresenta”.

*

Justiça foi a primeira HQ lançada pela editora

Indcom: Quais os títulos que estão sendo lançados pela Blue Comics? Fale do cronograma e um pouco de cada um.  Quais foram sua ideia?

João: Justiça, que já foi lançado e agora está rumo a segunda edição. Bem, Thiago Figueiredo (Justiça) é um jovem que perde o pai vítima de uma droga criada por um mafioso, que se torna seu grande vilão (Leprechaum). Após ver seu mundo desandar com a morte de seu grande herói, se junta ao melhor amigo e viaja pelo interior do estado de SP para esfriar a cabeça. Então, depois de se envolver em brigas é acolhido por um mestre em artes marciais e acaba recebendo treinamento e sua doutrina. Após finalizar seu treinamento cheio de obstáculos e problemas ele volta a capital para se vingar, agora como Justiça. A ideia quando eu criei, era de eu ser um vigilante “sem noção” que acabasse com os vilões. Não me culpem, eu tinha meus 15 a 16 anos, minha época de “Eu queria tanto ser um super-herói!”

Bergman, que na verdade não foi criado por mim e sim pelo grande André, que conta a história de um garoto que vive em um mundo composto por guerras e pelo cangaço. Com a morte do cangaceiro rei, este garoto então decide seguir seu sonho e assumir este posto – é o único título em mangá da editora.
Tem também Psycoma, um dos mais famosos da editora. Este conta a história de Dimitri, um cara que sofre um acidente e fica em coma, porém enquanto isso, por castigo de sua vida miserável e sem sentido, deve viajar entre o mundo dos sonhos ajudando pessoas a não saírem lesadas ou até mortas de seus reais pesadelos. Quando eu criei esse aí, sempre pensava em como seria um cara que fechava os olhos e quando abrisse veria seu mundo diferente como em um filme de terror e ao piscar de novo voltaria ao normal, a ideia seria fazer um livro, mas acabou virando HQ.
Escaravelho Vermelho, criado pelo grande Eduardo Lima, a pessoa que em ajudou a montar este sonho. O EV é um samurai moderno treinado no Japão pelo clã vermelho (de sua família) e que vem ao Brasil para vingar a morte de sua mãe por um herói chamado Pistola Dourada. Ele tem um fetiche estranho e coleciona cabeças de heróis e vilões que ele caça.

E outras…

*

Indcom: Qual foi o primeiro lançamento?

João: Foi o Justiça #1.

*

Indcom: Como foram as vendas?

João: Foram moderadas. De primeira, lançamos em um formato alternativo de mídia que o pessoal curtiu bastante, mas agora estamos lançando todos impressos e vamos ver no que dá.

*

Indcom: Como é feita a distribuição?

João: Temos lojas parceiras em Belém-PA e para o resto do Brasil só pelo correio, mas estamos procurando distribuidores em diversos estados para fazer o negócio direito.

*

Indcom: Vocês utilizam um método diferente de venda das HQs. Elas são lançadas em CD com extras e um poster. Por que desta forma? Quais os pontos positivos e negativos?

João: Na verdade, isso é adaptação. Como de início para lançar em formato impresso era caro e não tínhamos outro modo mais barato, tivemos que nos adaptar. Os pontos positivos são que acaba por ser um diferencial, é mais prático, vem com muitos extras e a galera acaba ficando curiosa e comprando mais. Os negativos é que não se pode ler em qualquer lugar, muita gente não gosta e acaba por ficar um pouco caro.

*

Indcom: Pensa em lançar em formato impresso também?

João: Já estamos lançando esse mês. O publico prefere e acaba por ser melhor para a divulgação. O pessoal pode ler em qualquer lugar!

*

Indcom: Quais os outros produtos da Blue Comics e quais os planos para o futuro?

João: Séries, jogos, publicidade, prémios e conquistar o mundo!

*

Indcom: Atualmente você também trabalha no desenvolvimento de uma Web Serie com o personagem de uma de suas HQs. Fale um pouco desta ideia. O que motivou, o que espera com esse projeto?

João: Sim. A série se chamará Sem limites e contará o inicio da carreira de alguns personagens, aparecendo vários deles como adolescentes ou jovens. Porém o foco principal é no Justiça e no ZERO. Pretendemos conseguir mais público e entreter e divulgar mais nosso trabalho.

*

Indcom: O que espera para o ano que vem?
João: Espero ser convidado para apresentar o MPN (Meus Prémios Nick).

Psycoma é um dos títulos mais comentados da Blue

Quem quiser conhecer a fan page da empresa é só clicar aqui. Sempre em busca de novos talentos nacionais, quem pensa em buscar uma vaga, entre em contato pelo contatoyourcity@live.com.

Advertisements